O medicamento Vitaros (alprostadilo) foi objeto de indeferimento da comparticipação, na indicação:

O medicamento Vitaros (Alprostadilo) não demonstrou valor terapêutico acrescentado, equivalência ou não inferioridade face ao comparador selecionado (Alprostadilo, pó e solvente para solução injetável) na indicação em avaliação, tratamento de homens >= 18 anos de idade com disfunção eréctil (DE), a qual consiste na incapacidade de atingir ou manter uma ereção do pénis, suficiente para um desempenho sexual satisfatório.

Pode aceder ao relatório de avaliação aqui.

Posted on the FDA website on 20 April 2018